Referência em Ciência e Tecnologia de Alimentos
Seja Bem-vindo a CIALI

#CiciExplica - O ômega 3  é tão inalcançável assim?

O ômega-3 é o ácido graxo mais popular. Está sempre nas mídias como um produto fora de nosso alcance dietético. Mas será que é tão fora da realidade?

        Esse ácido vem de gorduras vegetais em sua maioria e animais em minoria. São importantes pois eles conferem a manutenção de funções de membranas celulares e cerebrais, mas também participam de processos sanguíneos. Denominados essenciais por exercer essas funções e serem adquiridos apenas pela dieta.  
        São produzidos em quantidades maiores em vegetais e em quantidade significativa em aves e peixes. Ou seja, são alimentos encontrados em supermercados. De acordo com o estudo feito no artigo Ácidos graxos poliinsaturados ômega-3 e ômega-6: importância e ocorrência em alimentos (Clayton Antunes MARTIN) os alimentos com mais presença do ácido graxo são comuns.

                    
           Na tabela retirada do artigo é possível obsevar maior teor de ômega-3 (representado na tabela como 18:3 n-3) em óleos. Nesses se destaca o óleo de linhaça, canola e soja, ganhando até do azeite de oliva. Portanto, não é preciso ir muito além nas compras para conseguir fontes de ômega-3 em sua dieta. Apenas com o mais comum óleo usado na cozinha (de soja) conseguimos suprir o mínimo de ingestão diária, de 2g, com apenas 27 ml.

Fonte: http://abiad.org.br/pb/omega-3-e-incluido-nas-recomendacoes-da-sociedade-brasileira-de-cardiologia/

Made with Pingendo Free  Pingendo logo